Domingo 17 Dez 2017
You are here: Entrada Segurança
Segurança
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Limites de Velocidade
Quarta, 02 Fevereiro 2011 16:44
Localidades Outras Vias Vias reservadas
a automóveis e
motociclos
Auto-Estradas
Ciclomotores 40 45 - -
M
o
t
o
c
i
c
l
o
s
Mais de 50cm3 sem
carro lateral
50 90 100 120
Mais de 50cm3 com carro lateral
com 3 rodas ou reboque
50 70 80 100
Cilindrada não
superior a 50cm3
40 60 - -
Triciclos 50 60 90 100
L
i
g
e
i
r
o
s
Passageiros e Mistos
sem reboque
50 90 100 120
Passageiros e Mistos
com reboque
50 70 80 100
Mercadorias sem
reboque
50 80 90 110
Mercadorias com
reboque
50 70 80 90
P
e
s
a
d
o
s
Passageiros sem
reboque
50 80 90 100
Passageiros com
reboque
50 70 90 90
Mercadorias sem
reboque com semi-reboque
50 80 80 90
Mercadrias com
reboque
40 70 70 80
Tractores agricolas
ou florestais
30 40 - -
Máquinas agricolas,
motocultivadores, tractocarros
20 20 - -
Máquinas Industriais
com matricula
40 70 70 80
Máquinas Industriais
sem matricula
30 30 - -
AddThis Social Bookmark Button
 
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Declaração Amigável
Quarta, 02 Fevereiro 2011 16:10

Em caso de acidente, deverá ser preenchida a Declaração Amigável, devendo os condutores chegar a um entendimento, descrevendo detalhadamente o sinistro.

Clique em cima na imagem para ampliar.

AddThis Social Bookmark Button
 
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Trânsito Online
Quarta, 08 Setembro 2010 16:13

Brisa
Brisa
Brisa
AddThis Social Bookmark Button
 
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
DGV Revelas as estradas mais perigosas
Segunda, 18 Abril 2005 00:00
Os dados foram retirados dos relatórios distritais de sinistralidade rodoviária de 2004 disponibilizados no site da Direcção-Geral de Viação «DGV».

É a primeira vez que a DGV revela a hora e o local exacto dos acidentes e o respectivo número de vítimas, permitindo identificar os lugares mais perigosos e que não estão referenciados como pontos negros.

O IP4 e o IP5 estão no topo da lista da sinistralidade.

  • O IP4 «que liga o Porto a Bragança é a via com números mais elevados: 28 mortos e 27 feridos graves.
  • É seguido pelo IP5 «Aveiro-Guarda» com 16 mortos e 24 feridos graves registados em 2004.
  • Estrada Nacional «EN» 125, no Algarve, que bateu o recorde em feridos graves «57», e 15 mortos.
  • Na EN1, a negra história repete-se: 24 mortos e 43 feridos graves.
  • No IC1, o cenário é semelhante: 10 mortos e 18 feridos graves.
  • Na «A1 e A2» somam 18 mortos cada.
  • Na A4, que liga o Porto a Amarante, contabilizam-se 10 mortos e 16 feridos graves.
Em 2004, morreram 1356 pessoas nas estradas portuguesas, menos 16% do que no ano anterior, o que representou uma das maiores reduções de sempre.

Desde o início de 2005 já morreram 673 pessoas em acidentes de viação.

Fonte: DGV
AddThis Social Bookmark Button
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 Seguinte > Final >>

Pág. 4 de 4

Quem está online?

Temos 583 visitantes em linha

Facebook MySpace Twitter Digg Delicious Stumbleupon Google Bookmarks RSS Feed